Fm logistic

La logique des transports urbain

Índices

A FM Logistic registrou receita de € 1,43 bilhões em 2019/20, um crescimento orgânico de até 8,7%. O lucro antes de juros e impostos (EBIT) foi de € 42,5 milhões, um aumento de 21% em comparação com o ano anterior

Seguindo o caminho da transformação

A FM Logistic investe em inovação para oferecer soluções logísticas que atendam às novas necessidades de seus clientes, bem como do crescimento do e-commerce e do omnichannel.

Fundada na França em 1967, a FM Logistic tornou-se líder internacional na cadeia de suprimentos (armazenagem, transportes, co-packing). Uma empresa independente e familiar, o grupo é especialista nos setores de bens de consumo, varejo, cosméticos e beleza, indústria e saúde. Presente em três continentes e cinco grandes regiões (Europa Ocidental, Europa Central, Europa Oriental, Ásia e América Latina), a FM Logistic emprega 27.500 pessoas e tem um faturamento de 1,4 bilhão de euros em 2019-20.

Índices

colaboradores

27500

3 CONTINENTES

14 PAÍSES

1,4 BILHÕES DE EUROS DE FATURAMENTO

4 MILHÕES DE M² DE ÁREA DE ARMAZENAGEM

3 500 VEÍCULOS GERENCIADOS

Distribuição de faturamento por setor

  1. Higiene & Cosméticos
  2. BENS DE CONSUMO
  3. INDUSTRIAL
  4. SAÚDE
  5. VAREJO

Distribuição de faturamento por área de negócios

55 %

ARMAZENAGEM

35 %

TRANSPORTES

10 %

CO-PACKING

Referências

  • FMCG: Mars, Mondelez, Nestlé, Unilever, Colgate-Palmolive, Reckitt-Benckiser, GSK, Henkel
  • Distribuição: Carrefour, Auchan, Billa, X5
  • Indústria e Eletrônicos: Bosch, Phillips, Legrand, Brother, Samsung, Nissan
  • Cosméticos e produtos de beleza: L'occitane, L'oreal, Shiseido, Dior, Clarins, Natura
  • Saúde: Bristol-Myers Squibb, Sanofi-Aventis, Roche

 
 
 

Resultados do ano fiscal de 2020/21

  • A pandemia global impactou fortemente a cadeia de suprimentos e levantou a questão da sustentabilidade na perspectiva econômica, ambiental e social. Neste ambiente, a FM Logistic teve um bom desempenho graças a novos contratos (+ 38% em valor), novos serviços e iniciativas como o H2Hub. O relatório de atividades 2020/21, intitulado “Criando uma cadeia de suprimentos sustentável”, faz uma retrospectiva deste ano tão incomum.